Novas regras para o MEI em 2018

O ano de 2018 começou com mudanças para quem é, ou pretende ser, Microempreendedor Individual (MEI)

Os Microempreendedores Individuais devem estar atentos para as novas mudanças que entraram em vigor no dia 1º de janeiro de 2018.

A principal mudança é o aumento do limite de faturamento de R$ 60 mil para R$81 mil. Uma ótima notícia para os empreendedores que faturaram em 2017 entre R$ 60 mil e R$ 72 mil (ou seja, até 20% do teto) é que eles poderão optar pelo pagamento de uma multa sobre o excedente e permanecer enquadrados como MEI.

Com o novo limite, o ganho mensal do MEI deve chegar a R$ 6.750.

MUDANÇAS NAS CATEGORIAS

As novas regras também incluíram novas categorias como apicultores, cerqueiro, locador de bicicleta, locador de material e equipamento esportivo, locador de motocicleta, locador de videogames, viveirista, prestador de serviços de colheita, prestador de serviços de poda, prestador de serviços de preparação de terrenos, prestador de serviços de semeadura e de roçagem, destocamento, lavração, gradagem e sulcamento.

Foram excluídas quatro profissões: personal trainer, arquivista de documentos, contador e técnico contábil.

TAXA MENSAL DE IMPOSTO

A taxa mensal de imposto do MEI varia conforme o valor do salário mínimo. Em 2018, os valores são de R$ 48,45 reais para atividades de comércio e indústria e R$ 53,45 para serviços.

PROCURE UM CONTADOR

Para dúvidas relacionados a sua situação como empreendedor, a Ágora orienta a consulta a um contador de sua confiança.

Acesse o Portal do Empreendedor para mais informações.

 

R. Abelardo, 45 - Graças
Recife/PE - 52050-310
(81) 3049-9049
(81) 9 8122.8242
contato@espacosagora.com.br
Atendimento das 9h às 19h
TOP
Tire sua dúvida via WhatsApp